Pedido de desculpas e algumas "cozitas mas"…

Hoje não iria postar… Mas estou com tantas saudades do meu espacinho, que decidi deixar a minha varicelenta assistindo Os Sem Floresta para poder postar.

Primeiramente, gostaria de pedir desculpas à Estrelinha e ao Leon por não termos ido ao chá de fraldas do menininho. Ficamos ressabiados de aparecer por lá carregando varicela em nossas roupas. E gestanto X doença é uma combinação que definitivamente não orna!

E visitando o bloguinho do Leon descobri um outro blog de uma pessoa que deve ser muito especial. Ilustrasoninha, é um blog que tem a seguinte descrição: “Soninha Horn, ilustradora – Imagens ,ilustrações, idéias ,recorte, colagem, rabiscos e outras bobagens.”
Os desenhos e colagens são muito fofos, vou postar alguns aqui. Ainda vou descobrir se ela faz por encomenda.

Tenho andado completamente sem tempo para pesquisar e visitar outros blogs… Hoje vou fazer isso e ao mesmo tempo atualizar meu espacinho e deixá-los a parte de todas as novidades do mundo real e virtual.

Falando um pouquinha das leituras da Daniela… Sim, isso está em dia! As minhas é que estão bem atrasadas. Estava lendo no Blog Desabafo de Mãe sobre como despertar o hábito da leitura no post Falta de Hábito de Leitura. Acho que este objetivo já atingi com a Daniela. É uma gracinha quando ela pega os livrinhos e trás para que leia junto com ela. Claro que não leio para ela da mesma forma como leio para meus alunos adolescentes. Mas a leitura para ela é mágica. Com entonações diferentes para cada personagem (e tenho percebido a afeição dela pelos personagens maus das histórias), gestos e tudo o mais que uma boa história tem direito. Ela chega a soluçar de tanta risada, e sustos também são divertidos. Sim, sustos! Às vezes dou gritos, pulos e faço gestos bem marcados… Ela adora. E nesses dias em que ela está dodóizinha, temos até desenhado bastante! Concordo em gênero, número e grau quando a Simone Zelner afirma que ler por ler pode ser pior do que não ler, e também que o exemplo é tudo! Aqui em casa eu e o Daniel somos loucos por livros, vários temas, vários assuntos… Tudo é bem vindo. Lemos muitas revistas, artigos na net… Todos os veículos são maravilhosos (mesmo quando negativos, afinal, opiniões nem sempre são formadas a partir de coisas belas).

A revista CRESCER reuniu seis pais na mesa do bar para falar sobre o casamento depois dos filhos, com a garantia do anonimato. Depois de vários chopps e muita conversa jogada fora, as respostas foram aparecendo. O papo foi mais animado – e com certeza mais emocionante – do que qualquer discussão sobre futebol. É no link, e está muito engraçada e gostosa de ler. Vale a pena dar uma conferida mamães de plantão… às vezes cobramos coisas que para os papais não é tão simples como é para nós, mamães. Mas só de saber o esforço que eles fazem para nos agradar (sim, nos agradar… Muitas vezes isso acontece)eu fico toda emocionada! Passei por alguns momentos bem difíceis há alguns tempos atrás e decidi que quero fazer meu casamento dar certo. por mim e pela minha filha que ama o pai dela de paixão.
PS* O post de dia dos pais ficará abaixo deste, porque já tinha feito um rascunho!

Mais uma dica da revista Crescer é a CRESCER Blogs, subdividido em outros 3 blogs:
Mundo Crescer – Tudo sobre o universo infantil;
Gravidez Light – Tudo sobre mudanças no corpo, pesquisas mais recentes e exames mais modernos;
Ler pra Crescer – tudo sobre literatura infantil e como inserir as crianças neste mundo fantástico da leitura.
Este último, sou fã de carteirinha!

Ainda no mundo Paterno, a revista Meu Nenê traz mais uma dica para as mamães perceberem a relação dos filhos com os pais e até auxiliarem nesta aproximação. O que você faz para aproximar o bebê do papai?… Mamães falam de como participar desta relação!

E uma novidade para as mamães que gostam de ver seus filhotes tendo contato direto com a natureza. Estou participando de um projeto denominado “Aves de Curitiba”, é um projeto que visa fazer o levantamento avifaunístico nos parque da cidade. vinculado a este projeto, estou elaborando um outro, de educação ambiental. O nome do meu projeto ainda não foi definido, mas terá como objetivo principal a formação de “Observadores de Aves Mirins”. Faremos atividades com crianças de faixas etárias variadas e faremos com que as crianças enxerguem a beleza que nossa cidade possui. Mesmo no meio da cidade tem natureza, mas somos tão bitolados ao urbanismo que não percebemos a beleza de um Sabiá, ou o canto de um Quero-Quero. Assim que colocarmos o projeto em prática (o que espero que aconteça muito em breve)vocês serão os primeiros a serem informados.

Bem… Muita informação para uma noite tão singela.

Só para lembras que hoje é dia de “Criança Esperança”. Se puder, doe… Ajude quem precisa!

Beijos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s