EU TE AMO


Achou o título estranho para um post sobre brincadeiras? Pois é exatamente isso o que fazemos quando estamos brincando com nossos filhos. É a mensagem escondida no tempo que dedicamos a eles, dentro do seu mundo. Brincar só tras vantagens:
– Combate a obesidade infantil, pois a criança fica em constante movimento;
– Faz dormir melhor;
– A torna mais resistente a doenças pela liberação de hormônios do bem estar;
– Estreita os laços afetivos entre pais e filhos.
Além de muitos outros benefícios. A revista Pais & Filhos diculgou uma pesquisa no ano passado que trazia as seguintes estatisticas:

  • 53% dos pais brincam com seus filhos diariamente;
  • 84% dos pais acham que para estarem preparados para o futuro, os filhos devem estudar mais do que bricar;
  • 14% dos pais reconhecem o brincar como um aliado no desenvolvimento infantil, reconhecendo a ajuda no apredizado como um dos principais benefícios desta atividade.

Então vamos lá, deizer EU TE AMO aos nossos pimpolhos todos os dias em todos os momentos possíveis! E nada mellhor do que fazer o serviço completinho. Então, participe do concurso BRINCAR e dê sua opinião, sugestão ou o que for para ajudar muitos pais e mães a reaprender a brincar. OS blogs participantes são:
Segue a lista de blogs e seus temas:
Acontece aqui – Quais são os brinquedos que seu filho mais gosta?
Onde está a Oli? – Onde você brinca com seu filho?
Meu Estilo – Como você pode brincar através da arte?
O futuro do presente – Como pais e filhos brincam?
Faça de sua vida uma obra de arte – Quais os desafios de brincar com seu filho?
Web D+ – Você brinca com seu filho?
Lu Ivanike – Qual a importância de brincar com seu filho?

Participe!

8 responses to “EU TE AMO

  1. Oi Lu,
    achei esse seu post liiiindo!!!
    É exatamente assim que me sinto quando brinco com Olivia!
    Todos os dias, depois que chegamos da creche (a pegamos depois que saímos do trabalho) da pequena, brincamos com ela.
    Trocamos rápido a roupa e cada um vai tomar uma ducha rápida. O que não vai pro banho, fica brincando com a pequena.
    Depois, os três brincamos juntos – até a hora da mamada noturna.
    Nos espalhamos no tapetinho dela, colocamos música, contamos historinhas e colocamos os brinquedos pra funcionar – e rolar, no caso da bola dela. Nesse meio, abraçamos e beijamos bastante a pequena – que aliás gargalha horrores!
    Eu te amo. Exercito essa expressão diariamente!
    Beijos querida!
    Luana

  2. Luana, uma coisa que aprendi com a meternidade é que as palavras são efêmeras, são esquecidas. MAs as atitudes são eternas, marcam! Essa é uma atitude que marca. Não lembro do que falávamos, mas lembro de jogar muitos jogos, montar muitos quebra-cabeças, andar muito de bicicleta com meus pais. Isso ficou e sempre que me lembro sou grata pelo tempo que eles dedicaram a mim! Eu não precisava de mais nada, só da atenção deles, e isso nunca precisamos (eu e meus irmãos) pedir!!!!
    BEijos Lu

  3. Lu

    as brincadeiras mudaram muito, passaram da rua para dentro de casa ou da escola

    não se brinca mais na enxurrada, uma das coisas mais felizes que uma criança pode fazer

    dos meus filhos, me lembro muito de uma pracinha onde eles brincavam atéeeé, e que virou banca de revista

    quando iam lá na casa dos avós, a brincadeira era no quintal, onde havia amoras e – suprema felicidade – um córrego …

    o conceito de brincar hoje é o de comprar o brinquedo anunciado na TV, não mais os inventados … meio nostálgico, né?

    deixando a criança inventar, qq coisa vira brinquedo, e quando pai e mãe estão juntos, perto da hora de dormir, uma historinha cai bem, enquanto os meninos vão virando um bolo só, e a gente fica massageando os pés deles

    grande idéia essa de vocês de falar sobre o brincar, parabéns!

  4. Pois é Tekka… Hoje o consumismo deixou um pouco de lado a curtição de uma brincadeira. Eu e meu irmão fazíamos bola de meia calça, pés de lata e carrinhos de lata. Minha mãe fazia roupas para bonecas de crochet e as casinhas eram de madeira da feirinha do Largo da Ordem. Isso era tudo de bom. Hoje compra-se um carrinho, uma boneca e acha-se que a criança está brincando. MAs é dado muito mais ênfase a brinquedos os quais a criança brinca sozinha, esse é o problema!!! Para os pais é mais cômodo.
    Beijos e obrigada pela articipação!!!!!!!!!

  5. ai Lu, vc realmente não existe. Essa é a mensagem mais autêntica do brincar: quem ama brinca! perfeito! bingo! amei.

  6. Ceila, como você disse: BINGO!!!!
    É a mensagem implícita na brincadeira!!!!!
    Fico muito feliz por sentir a compreensão se todas vocês com relação a este sentimento!!!!
    E, até nós adultos nos sentimos amados por receber atenão. Imagine uma criança!!!!
    Beijos

  7. Oi Lu
    Adorei esse post, e como vc disse o brincar e’ uma verdadeira expressao de amor.
    Nao sou muito de falar eu te amo, nem a toda hora, mas percebi, atraves do seu post, quando brinco com meu filho e me dou, ali naquele momento estou dizendo isso que eu sinto por ele.
    Muito lindo! Parabens! E parabens pelos 4 anos de casada.

  8. Grazi, nesses momentos palavras são so palavras. Um sorriso aprovador, um olhar carinhoso significa muito mais que um “EU TE AMO!”… Eu sempre penso nisso. Tenho até uma facilidade grande em dizer, mas tenho valorizado mais o demonstrar!!!!
    BEijos Grazi!!!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s